Home Wiki > Software Livre e de Código Aberto
Sign up | Login

Software Livre e de Código Aberto

tagline: Da openSUSE

Todos os software do liveCD e do DVD são software Livre e de Código Aberto, com umas poucas e notáveis exceções (Flash, Opera, Acrobat Reader e allguns outros). Quando falamos sobre software livre referimo-nos a liberdade, não a gratuidade.

O quê é Software livre?

O termo Software livre, ou Free Software em inglês, foi criado pela Free Software Foundation.

O movimento Software Livre é um projeto iniciado por Richard Stallman em 1984, com o propósito de criar um sistema operacional totalmente livre, ao qual as pessoas teriam livre acesso para usar, estudar, modificar e redistribuir, tanto o programa quanto seu código fonte; desde que, nessa redistribuição, se assegure esses mesmos direitos. Mais tarde a Free Software Foundation foi fundada.

O Software Livre caracteriza-se pela oferta de 4 liberdades básicas:

  • A liberdade de usar o programa, para qualquer propósito (liberdade 0).
  • A liberdade de estudar como o programa trabalha, podendo adaptá-lo às necessidades próprias (liberdade 1). Acesso ao código fonte é precondição para tanto.
  • A liberdade de redistribuir cópias, para que você possa ajudar ao seu próximo (liberdade 2).
  • A liberdade de melhorar o programa, e lançar suas melhorias para o público em geral, para que assim toda a comunidade se beneficie (liberdade 3).Acesso ao código fonte é precondição para isto.

Software que não têm seu código aberto são ditos também software proprietários. Software Livre não deve ser confundido com freeware, freeware é livre como em cerveja grátis, e não como em liberdade.

O quê é Código Aberto?

O termo Código Aberto, ou open source em inglês, foi criado pela OSI (Open Source Initiative).

O movimento pelo Código Aberto foi iniciado no final do século XX, tendo se originado como parte de uma campanha de marketing para o Software Livre. Salienta os benefícios técnicos e econômicos do código-fonte aberto e livre ao desenvolvimento, e pouco ou nada sobre os aspectos éticos.

Como as diferenças entre esses movimentos, do Software Livre e do Código Aberto, são mínimas; centrando-se apenas na argumentação em favor dos mesmos software, amiudemente os dois grupos se unem em diversas situações ou são mencionados, agregadoramente, pela sigla "FLOSS" (Free/Libre and Open Source Software).

Benefícios do Software Livre e de Código Aberto

Estas liberdades beneficiam os usuários de várias formas. Sem o acesso ao código-fonte e sem liberdade para modificá-lo e redistribui-lo, as distribuições Linux, como o openSUSE, não estariam disponíveis a todos.

Reparar o Software

Estas liberdades signifgicam que se pode corrigir os erros ou defeitos, que existem em todos os software, ou que se pode alterar os software para fazer o que se necessita que ele faça, ou mesmo corrigir problemas de segurança. No caso do software proprietário, pode-se pedir ao proprietário que adicione funcionalidades e corrija falhas, e talvez ele vão faça, se lhe convier, talvez não.

Compartilhe!

O software livre lhe permite compartilhar software e assim que ajude aos seus amigos e vizinhos sem ter de se preocupar com direitos de autor.

Saber e controlar o que está acontecendo.

Com software proprietário você não podes saber o que um determinado programa realmente faz. Alguns bem conhecidos de software proprietário foi pego espionando usuários e enviando informações sobre seu comportamento e tal. Software proprietário também tem uma tendência a incluir várias restrições digital sobre o quê o usuário pode fazer, quando, por quanto tempo, etc. Com Software Livre tens acesso ao código-fonte e pode estudar o quê e como o programa faz e alterá-lo se você não gostou do que ou momo ele faz.

Benefícios Técnicos

O software de Código Aberto permite que mais pessoas vejam o código-fonte e possam corrigi-lo, ele pode se desenvolver mais rapidamente e se tornar melhor. Este sistema de "peer review"(revisão por pares) pode ser comparada à maneira como funciona a pesquisa científica. Em comparação com o código proprietário que mantém em segredoo código-fonte, que raramentepode ser visto por alguém estranho a empresa ou por trás dele.

Benefícios Econômicos

O Software Livre e de Código Aberto também é uma maneira pela qual empresas podem compartilhar custos de desenvolvimento. Por exemplo, Novell e Red Hat são concorrentes, mas ambas desenvolvem muitos dos mesmos programas e, assim, ajudam uma a outra. IBM e HP também podeem ser vistas como concorrentes embora ambas contribuam para o kernel Linux, etc., partilhando assim os custos de desenvolvimento.

O Software Livre torna possível um mercado para suporte competitivo, aumentando potencialmente a qualidade do suporte. Já com o software proprietário, na realidade, apenas o detentor dos direitos, que tem acesso ao código-fonte, pode oferecer suporte decente; tendo, portanto, uma espécie de monopólio...

Não sou um programador, por que devo me importar?

A maioria destas liberdades exigem que sejas capaz de ler e escrever código-fonte, para que possas aproveitá-las diretamente. Mas mesmo que não sejas um programador te beneficiarás; seja através de outros que tirem vantagem dessas liberdades, propicando-lhe algo melhor; ou te juntando a outros para pagarem a um programador para faças as mudanças que desejas ou necessitas; ou podes, ainda, ter vantagem usando a distribuição openSUSE.


Links Externos